Distribuidor Autorizado

Cilindros Eletromecânicos para a Fábrica do Futuro

Traduzido para Português  –  Artigo original por Sebastian Unsleber / Gerente Sênior de Gestão de Produtos de Montagem de Sistemas, Bosch Rexroth AG / Publicado em 25/05/2023


Cinco motivos pelos quais os cilindros eletromecânicos estão moldando e ajudando a melhorar a automação

É difícil imaginar a produção sem cilindros eletromecânicos (EMCs). Eles posicionam, giram, levantam, pressionam, unem, perfuram, dobram e rebitam coisas. E fazem tudo isso de maneira energeticamente eficiente, convertendo diretamente o torque do motor em movimento.

 

1. Uma ferramenta para eletrificação e padronização

 

Soluções menos complexas significam custos gerais mais baixos. Com isso em mente, os cilindros eletromecânicos EMC contribuem significativamente para a padronização e eletrificação. Graças a desenvolvimentos contínuos, os campos de aplicação agora incluem aqueles que eram atendidos por soluções pneumáticas ou hidráulicas. Os cilindros estão disponíveis em dez tamanhos diferentes, de 32 a 160, e podem ser usados em uma variedade de áreas, desde produção de semicondutores e bens de consumo de movimentação rápida (FMCG) até aplicações de fabricação de baterias. 

 

2. Melhor desempenho em cada classe de potência

Independentemente de como o atuador é usado: potência e economia devem estar corretas. Como chave para a eficiência, todos os EMCs padrão possuem um conjunto de fuso de esferas na faixa de força selecionada, de 0,1 a 30 kN. Projetada para aplicações pesadas, a variante “alta potência” EMC-HP usa o comprovado conjunto de fuso planetário PLSA da Bosch Rexroth, permitindo alto desempenho contínuo com velocidades de até 0,83 m/s e forças de até 100 kN, mesmo em condições ambientais adversas.

3. Vida útil longa sem relubrificação

 

A manutenção significa tempo de inatividade e isso precisa ser evitado. Os EMCs padrão são equipados com um fuso de esferas que garante intervalos de lubrificação longos, mesmo com altas capacidades de carga. Os EMCs padrão alcançam até 200 milhões de rotações com a lubrificação básica de fábrica. As esferas do fuso percorrem uma distância de cerca de 12.800 quilômetros no fuso, aproximadamente a mesma distância entre a Alemanha e o Havaí.

E tem mais: com a opção “Lubricated for life” (Lubrificado para toda a vida), a vida útil nominal é aumentada para até 15.000 quilômetros. Se a relubrificação for incluída, isso equivale a uma distância de mais de 50.000 quilômetros. Isso significa condições ideais para minimizar não apenas os custos operacionais, mas também os danos ao meio ambiente. Afinal, quanto maior o intervalo de lubrificação, mais recursos a solução economiza. 

4. Um atuador individual em apenas alguns minutos

 

 
Se todas as variantes forem somadas, o portfólio de produtos para Tecnologia Linear inclui cerca de 3.000 configurações de cilindro. Graças ao EMC Selector projetado de forma intuitiva, escolher o produto certo dentre a ampla variedade oferecida é muito fácil, e projetos de engenharia que costumavam levar horas agora levam apenas alguns minutos.

Com a ajuda do EMC Selector, todo o processo pode ser visualizado em uma única página web: da seleção ao pedido, incluindo design e funcionalidade. Assim que alguns detalhes forem inseridos, o seletor recomenda produtos adequados que são atualizados continuamente. Se um deles for selecionado, as especificações técnicas e uma visão geral de configuração são mostradas imediatamente. Um resultado em tempo real visualiza o status atual do projeto juntamente com um modelo 3D ao vivo usando os dados CAD reais.

 

5. Subsistemas inteligentes para automação

Tempo é dinheiro. Isso também se aplica ao preparo para produção, em que os EMCs configurados e fornecidos juntamente com um motor se parametrizam automaticamente. Os dados para o controlador do acionamento, que são armazenados para esse fim na memória de dados do motor, são carregados imediatamente após a conexão.

Os Smart Function Kits para aplicações de prensagem e união, que expandem um EMC ou EMC-HP em um subsistema flexível entregue pronto para uso, representam mais um passo em direção à Fábrica do Futuro.

 

Conclusão: A solução certa para todas as necessidades

 

Devido ao seu design simplificado, os cilindros eletromecânicos têm muito a oferecer para a Fábrica do Futuro. Eles permitem uma maior padronização, processos regulados com precisão e, por último, mas não menos importante, operação energeticamente eficiente e econômica de recursos.

Novas ferramentas de engenharia digital e configuradores convenientes facilitam ainda mais a seleção, enquanto melhorias contínuas na vida útil reduzem os custos gerais. Subsistemas inteligentes baseados em EMC apontam o caminho para a fábrica do futuro e fortalecem ainda mais as vantagens para a automação.

Fonte: Blog Rexroth

Quer saber mais a respeito dos cilindros eletromecânicos?
Clique aqui e entre em contato com um de nossos especialistas.

Compartilhe:

Outros artigos da DCTech:

Produtos por Marcas

Produtos por Linhas